Adolescente é executado e decapitado na frente do pai, no Jorge Teixeira

Adolescente é executado e decapitado na frente do pai, no Jorge Teixeira
Foto: Winnetou Almeida

O adolescente Júlio César Gomes Júnior, de 15 anos, foi arrancado de dentro de sua residência, na rua Alfazema, bairro Jorge Teixeira, na madrugada de hoje (29) e executado na frente da família por cerca de 20 homens encapuzados, que depois de atirarem contra a vítima, a decapitaram.

O crime aconteceu por volta de 1h desta quarta-feira (29), segundo informações de familiares. O homem teria saído de sua residência para urinar quando foi surpreendido por um grupo criminoso, que desceu um barranco próximo à  moradia da vítima. O adolescente, assustado, correu para a casa do pai, que ficava ao lado de onde ele morava.

Os criminosos arrombaram a casa e tiraram o adolescente à força. Segundo o pai da vítima, Júlio César Gomes, que presenciou todo o crime, os homens efetuaram alguns disparos e, ao verem o adolescente agonizando, tentaram arrancar a cabeça. Em seguida, jogaram o corpo em um córrego. Foi o próprio pai quem tirou a vítima de dentro da água e colocou em cima da ponte.

Policiais da 30° Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que atenderam a ocorrência, informaram que os suspeitos foram os mesmos informados pela população como os responsáveis por outros dois homicídios ocorridos na mesma noite. Na ocasião, dois corpos até o momento nao identificados fora encontrados na mesma rua. Moradores das proximidades disseram que ouviram os disparos e a movimentação, mas preferiram não sair. Júlio César teria sido o terceiro a morrer naquela área em um intervalo de poucas horas. 

Os corpos foram encaminhados para o Instituto médico Legal (IML). A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros investiga os crimes.

 

*Acrítica