Bolsonaro diz que pretende explorar o Amazonas de forma sustentável

Bolsonaro diz que pretende explorar o Amazonas de forma sustentável
Foto: Diego Peres/Secom

Durante a abertura do Fórum de Investimentos Brasil 2019, realizado em São Paulo, a partir desta quinta-feira (10), o presidente Jair Bolsonaro exaltou as potencialidades do Amazonas. Em seu discurso, ele falou sobre a pretensão de explorar o estado de forma sustentável.

O evento é um dos maiores da América Latina e reúne, nesta edição, cerca de 1,5 mil participantes, entre executivos de grandes empresas, empresários brasileiros e estrangeiros e representantes do setor público.

Em seu discurso durante o Fórum, Bolsonaro convidou investidores para visitar a região e destacou o trabalho de promoção do desenvolvimento sustentável no estado do Amazonas.

“O que nós queremos para o estado do Amazonas, do governador Wilson, e para a nossa Amazônia brasileira é explorar de forma sustentável. É fazer com que o que ela tem de bom sirva para nós e para a humanidade”, disse o presidente.

Também participaram do evento o governador Wilson lima, o ministro da Economia, Paulo Guedes; o ministro chefe da Casa Covil, Onyx Lorenzoni; e o presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento, Luis Alberto Moreno.

Durante sua fala, Wilson Lima destacou ainda os potenciais econômicos do Amazonas. Ele disse que há potencial para investimentos em diversos setores.

“O Amazonas, especificamente, é o estado onde nós temos uma base muito significativa, com potencial para investimento em várias áreas, como exploração de gás e mineral; atividades do setor primário, como piscicultura; a questão do turismo. Temos a Zona Franca de Manaus, que tem uma cesta de competitividade com relação aos outros estados brasileiros”, enfatizou o governador.

Uma equipe da Secretaria de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplancti) participa do evento com um estande montado e que destaca as oportunidades de investimento em setores estratégicos da como infraestrutura, desenvolvimento sustentável, mineração, energia, produção rural, tecnologia e inovação.

“É importante o estado do Amazonas estar participando com um estande, mostrando as possibilidades que se apresentam, principalmente no momento em que se começa a falar muito da Amazônia. E abre-se essa janela de conexão com essas pessoas, com esses países e com esses empresários que têm esse interesse e esse viés de proteger a floresta”, completou Wilson Lima.