Mulher é resgatada após anos trancada em banheiro pelo marido

Mulher é resgatada após anos trancada em banheiro pelo marido
A mulher, de 39 anos, foi resgatada por autoridades na última terça-feira Rajni Gupta / Divulgação via EFE - EPA - 15.10.2020

Autoridades indianas resgataram uma mulher que era mantida trancada há anos pelo marido em um banheiro de sua casa, devido a uma suposta doença mental alegada pelo homem, mas que ainda não foi confirmada. O incidente aconteceu no estado de Haryana, no norte da Índia, onde fica a capital, Nova Delhi.

O resgate ocorreu na terça-feira passada (13), quando a oficial do departamento de Proteção à Mulher e Proibição do Casamento Infantil Rajni Gupta recebeu uma denúncia, mas o fato só foi veiculado pela imprensa local nesta quinta-feira (14).

Gupta disse à Agência Efe que mobilizou uma equipe para investigar o caso da mulher, de 39 anos, que estava trancada em um banheiro, onde o marido a mantinha há anos, com a colaboração dos filhos do casal, já que ela supostamente sofria de uma doença mental, o que ainda não foi confirmado.

Péssimas condições

A vítima vivia trancada nesse pequeno banheiro

A vítima vivia trancada nesse pequeno banheiro

Rajni Gupta / Divulgação via EFE - EPA - 15.10.2020

A vítima, segundo a oficial, foi encontrada em um banheiro do primeiro andar da casa em um estado "lamentável" e estava visivelmente desnutrida e com as roupas e o corpo sujos de "excrementos".

O vice-superintendente da Polícia Distrital de Panipat, onde o casal morava, Satish Kumar, afirmou que o marido foi preso e que a mulher não parece apresentar nenhum quadro de instabilidade mental.

Kumar detalhou que as autoridades ainda aguardam o resultado do exame médico da vítima e que, enquanto isso, ela se encontra com parentes diretos e está sendo banhada e alimentada.

Embora os problemas de saúde mental da mulher sejam aparentemente infundados, casos como este não são incomuns entre pessoas que apresentam algum tipo de distúrbio, principalmente em países em desenvolvimento, segundo a organização Human Rights Watch (HRW).

A ONG publicou um relatório, neste mês, no qual denuncia que "centenas de milhares de pessoas com problemas de saúde mental estão acorrentadas em cerca de 60 países ao redor do mundo".

"As pessoas podem passar anos acorrentadas a árvores, trancadas em jaulas ou celeiros porque as famílias têm dificuldades para lidar com o problema e os governos não fornecem serviços de saúde mental adequados", explica a pesquisadora e uma das autoras do relatório, Kriti Sharma.

Fonte: R7