‘Para, tá doendo’: Najila conta como teria sido abuso e cria dúvidas se estaria grávida

‘Para, tá doendo’: Najila conta como teria sido abuso e cria dúvidas se estaria grávida
Foto/Reprodução: SBT

Nesta quarta-feira, 5 de junho, Najila Mendes de Souza, a mulher que acusa Neymar de estupro, deu sua primeira entrevista à TV. Em uma conversa com o jornalista Roberto Cabrini, Najila disse que tinha ido mesmo viajar para Paris para ter uma relação íntima com o atleta, mas que ele teria virado outra pessoa. 

A modelo, no entanto, confirma que viajou com o objetivo de ter relações com Neymar e que o atleta teria pago suas passagens. Além da entrevista, nesta quarta-feira, foi divulgada uma imagem que mostraria a suposta agressão do jogador à modelo. O conteúdo foi divulgado pela Record. Uma advogada de Najila, por sua vez, disse à Bandeirantes, que a briga teria começado por conta do uso de preservativo.

Segundo a modelo, ao chegar no quarto, ela teria questionado se Neymar teria preservativo. A jovem de 26 anos argumentava – segundo o depoimento dela – que não iria para cama sem o acessório, pois não queria ficar grávida. Ela é mãe de um filho de um outro casamento. 

Foi então que o atleta teria agarrado a moça por trás e começado o ato. Ela diz que Neymar teria batido nela com bastante violência. A jovem diz que não quer dinheiro de Neymar, mas apenas justiça, pois o que estava esperando era ter alguma dignidade.

Veja abaixo a entrevista completa da jovem ao SBT Brasil, onde confirma que o ato com o jogador teria sido sem preservativo:

O laudo particular feito na jovem, no entanto não cita uma possível gravidez, já que a relação teria ocorrido sem preservativo. O documento fala apenas em possíveis lesões e no estado psicológico da suposta vítima. 

cara é o neymar kkkkkkkkkk imagina se a doida aparece gravida

— ???? (@gisoldati) June 5, 2019

 

Alguns internautas, após a entrevista começaram a cogitar que a jovem agora correria o risco de aparecer esperando um filho do jogador. Um dos questionamentos pode ser visto na publicação acima.